As técnicas de SEO que continuam a funcionar em 2015

Seo

O SEO continua em vigor. E continuará enquanto existir um motor de busca que nos permita posicionar-nos através dos nossos conteúdos. É certo que, cada vez mais, o Google, como fonte de tráfego, está a ceder terreno a outras fontes como o Twitter e Facebook, e que nestas redes sociais não podemos falar de SEO, da mesma forma que nos referimos numa web. Mas também é certo que nestas redes sociais existem outras técnicas para obter mais alcance, o que não deixa de ser uma “espécie de SEO”.

Sempre que o tema SEO vem ao de cima, questiono-me quanto à quantidade de fórmulas e práticas acessórias que muitos recomendam sem garantir previamente os pilares básicos de qualquer estratégia SEO viável. É como fazer remodelações numa casa que ainda está em construção. O que iremos remodelar se ainda não terminámos a primeira versão?

No SEO passa-se o mesmo: temos um determinado produto (web, blog, loja online…) e centramo-nos a colocar enfoque na otimização de palavras chave (às vezes sem pensar bem que palavras que queremos realmente otimizar), no linkbuilding (quando o que realmente faz sentido é o linkearning), deixando assim de lado um trabalho prévio muito mais importante.

O melhor SEO consegue-se com o melhor conteúdo possível

A melhor técnica de SEO que se pode oferecer como conselho é “faça o melhor conteúdo possível“. Ou seja, os bons conteúdos são a base imprescindível para conseguir um posicionamento em motores de busca. Com um mau conteúdo, é possível posicionar-se por mera casualidade ou apostando muito em publicidade ou em outras práticas de utilidade duvidosa. Em conclusão: o conteúdo de qualidade é um conteúdo que se encontra fácil.
Para fazer com que os conteúdos se posicionem corretamente é preciso conhecer a audiência. O SEO é mais fácil se existir um conhecimento do que interessa à audiência (atual e potencial) e ter conhecimento do que se fala. A informação é poder, para a empresa e para as estratégias de SEO.
Como saber o que interessa à audiência? De variadas maneiras. Primeiro, através do sentido comum: o que necessita a audiência?; segundo, recorrendo aos dados de analítica: pode ver quais são os conteúdos que mais lidos, a origem e percurso da navegação…

No SEO, funciona e funcionará sempre o seguinte:

  1. Fazer conteúdos autênticos.
  2. Fazer conteúdos de qualidadena forma e na substância.
  3. Conseguir tempo na página e pouca rejeição.
  4. Ser fiel aos conteúdos:fazer sempre conteúdos de qualidade, relacionados e capazes de resolver problemas aos potenciais clientes.
  5. Conhecer a sua audiência e dar-lhe o que exigem, influenciar positivamente no SEO porque partilham esses conteúdos e porque está a cumprir a máxima de “conteúdos de qualidade + resolução de um problema concreto = cliente contente“.

Logicamente, otimizar as palavras-chave e os títulos e a URL do conteúdo, ajuda. Mas não deve ser o que nos tira o sono, porque o que nos deve absorver é produzir os melhores conteúdos para a nossa audiência.

A segurança e saúde de todos é a nossa prioridade. Por favor, leia atentamente as informações neste link sobre a prevenção da COVID-19 antes de entrar nos nossos escritórios para qualquer visita, reunião ou evento.