Notify, o Facebook quer competir pela sua parte no mundo das notícias com notificações

notify

O Facebook quer incluir-se no negócio das notícias e demostra-o com projetos como o Instant Articles e as suas colaborações com os grandes meios na criação de conteúdos. A prova disso, é o seu último movimento que vem reforçar essa aposta de um modo interessante. Ontem lançaram o Notify, uma nova app que serve de porta de acesso a conteúdos noticiosos, desportivos ou climatológicos (entre outros tipos). No entanto, diferente de outras apostas como a Apple News ou o Discover da Snapchat, em Notify não se lê os conteúdos com a app. É apenas um sistema de notificações que reencaminha para outras publicações com o conteúdo mais detalhado, quando se abre o link da notificação.

A app (de momento apenas disponível para iPhone) oferece notificações sobre os conteúdos de uma ampla variedade de meios de comunicação  (Vogue, The Washington Post, CBS, Mashable, The Huffington Post, New York Times, CNN, Comedy Central ou a revista Billboard, entre outros). Cada notificação oferece três cenários possíveis: abrir com um click, guardar para ler depois (deslizando o dedo sobre o ecrã), ou partilhar por email, no Facebook e outras redes sociais.

A vantagem deste sistema, se os alertas forem devidamente configurados de forma a não saturar o telefone com demasiadas fontes de informação, é que pode funcionar como uma app praticamente invisível. Na maioria das ocasiões não será necessário abrir a app, pois mostrará simplesmente a informação no ecrã de bloqueio do seu telemóvel e só interagirá com ela quando quiser aceder a um conteúdo. Evidentemente, o futuro da ferramenta dependerá se os editores a considerem eficaz (o Facebook oferece analises de uso) e da paciência dos utilizadores perante mais uma que previsível enxurrada de chamadas para a ação.

Haverá notificações patrocinadas? De momento, o Notify nasce livre de publicidade embora não custe vislumbrar um cenário onde o sistema recomende conteúdo específico prévio para passar pela caixa dos anunciantes.

notify2

“Todos temos interesses diferentes, de modo que se gostar de desporto, celebridades, notícias, filmes, música ou compras, o Notify facilita encontrar notificações de que goste numa ampla seleção de “estações” (assim chama o Facebook às diferentes categorias ou temáticas) ”, explica o responsável do produto Julian Gutman.

Com o objetivo de chegar (mais se possível) ao público móvel e incluir-se na luta pelo doce bolo das notícias, o Notify é o passo mais significativo do Facebook no terreno das notícias de última hora, um nicho de mercado dominado tradicionalmente pelo Twitter e em que o seu ‘News Feed’ nunca se encaixou bem. O interessante é a aposta nas notificações push (um sistema que continua a ser eficaz para que muitos meios de comunicação possam manter a fidelidade dos seus leitores) e o foco totalmente contrário de experiências anteriores mais intrusivas como Paper, Slingshot ou aquele horrível lançador de aplicações chamado Home. Veremos se vinga.

Via | Re/Code
Mais informação | Techcrunch

A segurança e saúde de todos é a nossa prioridade. Por favor, leia atentamente as informações neste link sobre a prevenção da COVID-19 antes de entrar nos nossos escritórios para qualquer visita, reunião ou evento.